Armando Cunha

Armando José Mendes Cunha nasceu a 8 de Janeiro de 1979 na freguesia de Serzedelo, concelho de Guimarães.

É o penúltimo de 6 irmãos, teve uma infância passada numa aldeia, caraterizada pelo que de bom existe em meios pequenos. Brincava na rua com os vizinhos da mesma idade. Jogavam à bola num “campo” de terra improvisado mesmo ao lado de casa. Andavam de bicicleta livremente pelas ruas da aldeia e assim eram humildemente felizes.

Completou o sexto ano de escolaridade, mas a paixão pelos estudos não era evidente. Talvez porque as motivações e o contexto em que estava inserido não fossem propícias a isso. Armando muito cedo se afastou dos livros e ingressou pela vida do trabalho. Foi um adolescente trabalhador que com tenra idade conheceu o peso da responsabilidade. Trabalhou e ganhou dinheiro para si e para ajudar a família. Apesar de tudo, foi encontrando a felicidade ao longo do seu percurso.

A cada experiência de vida o autor conseguiu ir descobrindo novos caminhos, despertou outros interesses e hoje é um pai orgulhoso, um amante da natureza e do desporto, escritor do seu segundo livro e, sobretudo, alguém que gosta de dar o seu tempo aos outros. Valoriza uma boa conversa e adora escutar as histórias das pessoas.

A citação do autor espanhol António Machado “o caminho faz-se caminhando” é uma das máximas de vida de Armando Cunha. É feliz no aqui e no agora, com aquilo que tem, seja muito ou seja pouco. Ele procura viver a singularidade de cada dia, aproveitando cada momento com as pessoas que o rodeiam. Armando é uma pessoa de sorriso fácil e que aprecia as coisas simples da vida, sem grandes dramas.

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.